Follow by Email

terça-feira, 25 de agosto de 2009

EVOLUÇÂO BIOLÒGICA


Evolução biológica das espécies é quando uma espécie consegue através de vários processos especifico que acontece independente um do outro, ocorra provocando nestas uma maneira de se sobressair frente à outra. Esta espécie poderá se adaptar e convier em harmonia com o ambiente melhor que outras que não conseguiu este comportamento evolutivo. O que não que dizer que exista uma espécie superior a outra, pelo que se entende aqui o autor que dizer que evolução se refere à forma de adaptações que esta espécie conseguiu desenvolver frente à outra. Quando Darwin coloca o termo evolução, estaria se referindo ao sentido de desta adaptação de características que uma espécie tem melhor que outras, sem afirmar, portanto que uma destas é ou não melhor que outra, ou seja, é considerada que uma espécie evoluiu quando esta se coloca a frente de outra em seus mecanismos de sobrevivências, seja com uma maneira inteligente de obter alimentação, o desenvolver crescimento e como estaria dentro do meio vivendo melhor. O que explica fidedignamente como a evolução é uma área que explica fundamenta uma ocorrência, seja em qualquer um dos ramos das ciências.

Com afirma (PAZZA, 2009 p.1):

A Teoria da Evolução é um conjunto de afirmações a respeito dos processos da Evolução tidos como causadores da história dos eventos evolutivos. A evolução biológica (ou orgânica) ocorre como conseqüência de vários processos fundamentais. Esses processos são tanto aleatórios como não-aleatórios. É certamente a maior teoria unificante da biologia. A diversidade de organismos, similaridades e diferenças entre os tipos de organismos, padrões de distribuição e comportamento, adaptação e interação, eram meramente um caos desconcertante de fatos até que a teoria evolutiva deu-lhes sentido. Não existe uma área sequer dentro da biologia na qual esta teoria não sirva como um princípio ordenador. Nenhuma outra idéia em biologia é tão cientificamente poderosa, ou tão intelectualmente estimulante. Não foi a toa que Dobzhansky cunhou a célebre frase: "Nada em biologia faz sentido exceto à luz da evolução".



REFERENCIA
Pazza, R. (2004) O que é Evolução Biológica?. Projeto Evoluindo - Biociência.org. [http://www.evoluindo.biociencia.org]. Acesso 26 ago 2009.

Preservar é um dever de todos nós.Tenho uma preocupação especial por este tema por isto fiz esta consideração:


MPORTÂNCIAS E AS POSSIBILIDADES DE MANUTENÇÃO DA BIODIVERSIDADE NA TERRA.
As questões ambientais na terra nunca tiveram tantas evidências como nos tempos atuais. De certa forma a comunicação sobre o que acontecem com os impactos na terra desperta interesses mundiais, mesmo por que os impactos negativos são efeitos das ações antrópica dos seres humanos. Talvez seja por isto que a mídia tem divulgado dados relacionados às perdas muitas vezes irrecuperáveis ao nosso meio ambiente natural.
Os seres humanos vivem em constantes ameaças, sua saúde seja física e mental cada vez mais está sendo comprometida. Segundo estudiosos de áreas ambientais, e todos, que se preocupam com a manutenção da vida, um dos fatores que determina esta triste realidade seria, o consumo inconsciente e a urbanização acelerada, que implica em um aumento populacional e uma maior desigualdade social. Quais as soluções? O que fazer para solução desta problemática? Acredita-se que em primeiro passo seria estimular a consciências das pessoas para uma mudança de atitudes. Atitudes estas como: A diminuição do consumo inconsciente das classes sociais de maior poder aquisitivo; Usar de maneira sustentável os recursos naturais, investir na educação ambiental. Acabar com uso de: sacos plásticos, emissão de gases, queimadas, desmatamentos. Estas seriam algumas das ações que poderiam efetivamente ajudar no melhoramento da crise ambiental que o mundo está atravessando.
Conseqüências de fenômenos como a exclusão social e a ausência da educação como garantia do desenvolvimento sustentável são analisadas no texto Segurança humana, educação e sustentabilidade , de Argemiro Procópio. Nele o autor trata sobre a importância da educação ambiental e da desigualdade social ser causada pela ausência de ética e respeito à biodiversidade e sustentabilidade do planeta. “ As causas do desordenamento ético e seus reflexos no desrespeito generalizado aos direitos humanos, principalmente por meio das brutais desigualdades sociais”. Marcel Bursztyn (2001, p.18)
Manter um olhar diferenciado para o Meio Ambiente, pelas autoridades e pela sociedade com o todo seria uma mudança de atitude consciente e inteligente. Não cabe no século XXI ter pessoas que usam o poder de compra como forma de comprometer uma humanidade toda, por causa de ganância de algumas dúzias de pessoas. Cada um de nós deve reavaliar para saber o que vamos deixar para as nossas gerações futuras. Será que terão possibilidades de vida sustentável? Temos que cuidar para que nossa biodiversidade seja preservada, como titulo de desaparecer da terra espécies importantes da nossa fauna e flora.
REFERENCIA
BURSZTYN, Marcel. Ciência, ética e sustentabilidade. 2. ed –São Paulo : Cortez ; Brasília.2001 .